Concurso da Câmara vs. RABCI

Para quem quer consultar, a prova de Biblio do Concurso da Câmara Municipal já está disponível.

Como vocês poderão perceber, tem muitas perguntas relacionadas a tecnologia. Então, para acabar com o clima de tensão que estou agora esperando o resultado (não fui mal, mas estou dependendo de um monte de combinações.. ahuauhaa), resolvi fazer uma comparação com as questões de tecnologia e o RABCI como brincadeira:

A primeira (questão 18) é sobre Open Access —–> O RABCI está plenamente de acordo com o Open Access, compartilhando trabalhos.

Em relação a MTD-Br (Questão 25) e marcação de conteúdo (Questão 26), não marcamos conteúdo ainda e não usamos o MTD-BR, mas exportamos os registros em endnote e bibtex, outros padrões de metadados, mais utilizados internacionalmente…

Dublin Core (Questão 27) – o RABCI usa o Dublin Core para descrever os itens não bibliográficos, graças ao Drupal.

A questão 28 fala sobre a sintaxe XML. Seria muito útil se existisse um sistema atual que utilizasse o XML nativo para a gestão de documentos. Vou ser sincero, essa é a tendência, mas não conheço nenhum sistema XML que funcione redondo ainda…

Questão 34 é sobre publicação eletrônica de periódicos, não aplicável ao RABCI, mas é uma questão interessante…

Questão 35 – Web Semântica.. sonho ainda, mas vale dar uma entendida nos princípios envolvidos…

Questão 36 – Autoarquivamento – no RABCI utiliza a maneira mais escancarada de autoarquivamento.. acreditar tanto na qualidade dos trabalhos que não avaliamos, e por isso, os autores se responsabilizam sobre a submissão, cabendo a eles a atitude de compartilhar o trabalho.

Questão 37 – Verbos de requisição do OAI.. para mim a questão mais difícil da prova, pois é um conhecimento muito específico… no RABCI disponibilizamos o OAI, então a requisição deve ser feita usando os verbos da resposta 2, como por exemplo: http://infocultura.info/rabci/oai?verb=Identify. Para saber um pouco mais sobre o Protocolo e os verbos, vale a pena visitar: The Open Archives Initiative Protocol for Metadata Harvesting

Questão 39 – Preservação digital: não fazemos isso no RABCI, mas tem dois ótimos TCCs sobre o tema..

Questão 44 – Web 2.0.. estamos ligados 🙂 .. qq um pode participar..

Questão 46 – Direitos autorais na Web.. todo o conteúdo é disponibilizado em Creative Commons e há bons trabalhos sobre direitos autorais

Não é uma analise tão boa quanto a do Gustavo (apesar de discordar de algumas coisas que ele disse), mas tentei demonstrar que ganhei muito ao construir o RABCI, não foi perda de tempo e dinheiro… e lembrando que ele está aberto a colaboradores.

3 pensamentos em “Concurso da Câmara vs. RABCI”

  1. é isso aí Tiago agora é esperar o resultado! Também fiz a prova.. boiei bem nas questões (pensei q a prova era de biblioteconomia e não de sistemas de informação ou algo do tipo…), mas c’est la vie! Indicativo de que preciso rever ainda mais meus conceitos! (uahuahhaua)
    Mas acho que tão pegando firme na tecnologia e esquecendo da biblio. O triste é saber que a importância que tem a tecnologia no concurso não é na mesma proporção que dão na estrutura e nas condições de trabalho…
    vamo que vamo… o show não pode parar!

    abs!

  2. ah! e em tempo…
    seu comentário sobre o concurso da Faculdade de Direito de SBC é bem pertinente ao da Camara municipal tbm… (ao meu ver, claro!)
    difícil definir o que (ou quem) eles tão querendo com essas provas…

Deixe uma resposta