Biblioteca Pública do Estado do Rio de Janeiro em obras

Em tempos de chuvas e mortes e investimentos em bibliotecas públicas, a Biblioteca Pública do Rio (“biblioteca do Brizola”) prepara o seu redesign.

Eu tentei encontrar alguma informação sobre a reforma, eu lembro de ter visto em algum jornal da cidade, mas não consegui resgatar. Não sei nada sobre a obra, não sei nada sobre o projeto.

A única coisa que eu sei é que a biblioteca já está fechada há um bom tempo e está cercada por tapumes que contêm algumas imagens de como a biblioteca ficará, depois de reaberta.

Eu só consegui uma foto, essa aí de baixo.

Pelos outros croquis nos tapumes, tem um quê de espaço multimídia no redesign. Quem sabe vem uma versão carioca da Biblioteca do Carandiru por aí.

Alguém sabe alguma coisa sobre a nova biblioteca pública do Rio?

10 pensamentos em “Biblioteca Pública do Estado do Rio de Janeiro em obras”

  1. No final de 2008 saiu uma matéria no Globo: http://aurora.proderj.rj.gov.br/resenha/resenha-imagens/2008-10-25_00019_page00001.pdf

    “O prédio principal terá obras de recuperação dos sistemas das redes hidráulica, elétrica, sanitária e de telefonia, de tratamento acústico e de instalação de um novo sistema de segurança, além de outras que garantam a acessibilidade a portadores de necessidades especiais. Em prédio anexo funcionarão a administração, um teatro para 180 pessoas, um auditório para 70, um restaurante e um centro de treinamento e capacitação de funcionários e bibliotecários. O projeto da reforma estrutural é do arquiteto Glauco Campello, autor do traçado original. A sinalização e a comunicação visual do equipamento ficam a cargo da arquiteta Bel Lobo. O pátio e os jardins têm projeto paisagístico elaborado pelo escritório de Burle Marx.”
    fonte:

    Abraço

  2. A reforma vem em boa hora. Tomara que também melhorem o conforto ambiental da biblioteca. Quem trabalha lá reclama: graças à sua arquitetura é um lugar horrível de se trabalhar e pra abrigar acervo, fria no inverno e quente no verão.

  3. Se ficar como está a belíssima Biblioteca de São Paulo, ficarei muito orgulhosa. O Rio precisa muito de uma Biblioteca Pública atrativa e eficaz, principalmente para chamar atenção daqueles que não costumam frequentar bibliotecas!

  4. Fui aluno de dois cursos (do tipo livres) lá.Até um passado recente, o setor de cursos ao menos estava se realizando na Rua Camerino (Próximo a um núcleo penitenciário, tomando o rumo do Colégio Pedro II em sentido contrário para quem desemboca na av. Presidente Vargas).
    Ali tinha um sigla: AABERJ.Se não engano, associação dos amigos da biblioteca pública do estado do Rio de Janeiro.
    Espero ter ajudado de alguma forma…os cursos alá ainda são mais baratos e com bons professores.
    Abraços, Marcelo.

  5. Eu acho ,pelo que vejo a pelo menos 04anos,passando todos os dias em frente a “obra da biblioteca”é que a mesma está sendo destruida. Vejo muitos homens com uniforme da EMOP porém pouco trabalho executado.Cadê o Ícaro ?

  6. Acho que tem algo errado com a reforma da Biblioteca. A obra já tem aproximadamente 03 anos. Neste tempo já foram construídos dois prédios, ali mesmo, na Presidente Vargas. Que obra é esta afinal?

Deixe uma resposta