Consideramos os monumentos documentos?

Consideramos os monumentos documentos?

Embora a profissão do bibliotecário tenha sofrido grandes alterações monumentosBRnos últimos anos, algo que ainda está arraigado a esse profissional é o papel social e cultural que possui.

Durante a graduação, quase todos os bibliotecários leram o texto “Documento/ Monumento”, de Le Goff, onde o autor equipara o documento ao monumento como forma de imortalizar a memória coletiva.

Visto que o bibliotecário, fundamentalmente, trabalha de forma direta com os documentos (embora, infelizmente, poucos os fazem com os documentos de caráter mais histórico), não caberia a esse profissional alguma preocupação/ ação sobre os monumentos?

O que você acha?

Referências
LE GOFF, Jacques. Documento/ Monumento. In: ______. História e memória. 4.  ed. Campinas, SP: Ed. da Unicamp, 1992. p. 535-553.