Bibliotecas brasileiras, de George Ermakoff

Estava eu mais uma vez falando sobre arquitetura de bibliotecas quando eis que aparece nas livrarias o belíssimo livro Bibliotecas brasileiras, organizado por George Ermakoff.

Para o grande público, um compêndio bilíngue com o histórico das principais bibliotecas do país, acompanhado de excelentes fotos. Para os bibliotecários, um mais do mesmo de informações enciclopédicas, a tradicional cronologia que vai dos jesuítas, Biblioteca Real/Nacional, passando pela Biblioteca Pública da Bahia, Mario de Andrade, até a BPE Rio [basicamente uma versão ilustrada e atualizada do Biblioteconomia brasileira no contexto mundial, do ENF].

É livro pra se ter na estante de casa, e sugiro que quem for comprar, compre logo, porque as tiragens são pequenas. A edição é de luxo, como os livros típicos de arte, então o valor de varejo é caro, está R$130 nas livrarias Cultura e Travessa. No site do MinC tem todos os dados referentes ao projeto solicitante para a confecção do livro. O financiamento foi de R$488 mil e cerca de 20% da tiragem é destinado à bibliotecas, então quem tiver na lista, faça questão de receber o seu.

Ermakoff é um dos maiores colecionadores de fotos do Rio Antigo e vêm publicando nos últimos anos excelentes crônicas fotográficas, a maioria delas provavelmente financiada por editais públicos (acho tudo muito estranho, mas não quero tratar disso agora).

No livro das Bibliotecas brasileiras tem fotos de um dos meus fotógrafos preferidos, Cristiano Mascaro:

Finalmente uma obra rica visualmente pra rivalizar com as dezenas de livros fotográficos publicados sobre bibliotecas ao redor do mundo e apresentar aos desavisados a beleza das bibliotecas brasileiras.

[quem curte livros fotográficos de bibliotecas, eu indico os lindões abaixo]

6 pensamentos em “Bibliotecas brasileiras, de George Ermakoff”

Deixe uma resposta