Como foi a experiência de participar do Open Repositories 2022

Recebi no meu e-mail a informação de que haveria bolsas de participação na conferência Open Repositories 2022. Muitos eventos internacionais mantém bolsas para aumentar a diversidade. A inscrição foi simples: preencher um formulário em inglês (obrigado google tradutor) com perguntas de como o OR2022 iria ajudar no seu desenvolvimento profissional e como eu poderia compartilhar o conteúdo do evento. Recebi no meio de março um e-mail do comitê organizador de que fui um dos selecionados. \o/

#PartiuDenver

Denver é uma cidade bem organizada. Mas fiquei encantando mesmo pelo campus Auraria, que hospeda 3 universidades: University of Colorado Denver (CU Denver), Community College of Denver (CCD) e Metropolitan State University of Denver (MSU Denver).

O evento foi hospedado pela University of Colorado Denver.

#OpenRepos2022

O Open Repositories é o evento mais importante da área de repositorios no mundo. Neste ano, por conta da pandemia, não estava muito cheio, mas teve representantes de muitos países:

O predio foi o Student Commons Building. Eu adorei o conceito de um prédio com equipamentos comuns para os cursos, como os auditórios grandes e médios:

Não consigo descrever a complexidade de palestras e seus conteúdos, mas vocês podem acessar o repositório oficial do Open Repositories no Zenodo: https://zenodo.org/communities/openrepos. E a tag oficial do evento no twitter: #OpenRepos2022.

Minhas impressões: É muito, mas muito legal mesmo estar em um lugar onde estão as pessoas que acompanhamos por e-mail nas listas de discussões sobre os softwares de repositórios. São as pessoas que fizeram os repositórios, os softwares ou as políticas que nos baseamos. O impacto inicial foi grande, consigo agora ver rostos nos e-mails. Consegui conversar com alguns deles, mas bem pouco, devido a limitação do idioma.

Para mim a melhor palestra foi a palestra de encerramento, do Kyle K. Courtney. Foi uma palestra de como os repositórios podem interpretar a lei de direitos autorais. Era focado no contexto dos Estados Unidos, mas para mim valeu, para que eu possa comparar com o nosso contexto e ver como a lei dos Estados Unidos protege mais as bibliotecas do que a brasileira.

O próximo será em Stellenbosch na Africa do Sul em 2023. Acompanhem as bolsas, quem sabe você não possa ir no #OpenRepos2023


Publicado

em

por

Tags:

Comentários

2 respostas para “Como foi a experiência de participar do Open Repositories 2022”

  1. Avatar de Bete Neves
    Bete Neves

    Que bacana Tiago! Obrigada por compartilhar os links.

  2. Avatar de Diego Abadan
    Diego Abadan

    Muito legal, Tiago!
    Um dia quero participar de algo assim 🙂

    Provavelmente vamos começar a trabalhar mais com repositórios, hoje pe algo que não acompanho tanto como a área de periódicos e preprints.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.