A importância das Bibliotecas

Há um tempo ando meio insatisfeita com meu canal no youtube. Sentia que deveria fazer mais com o espaço que tenho, principalmente no que diz respeito à Biblioteconomia e divulgação da área.

Pensando nisso resolvi criar uma tag semanal, a “Fala, Bibliotecária”, e através dela discutir assuntos variados sobre a profissão e sobre bibliotecas. Nesse primeiro vídeo achei que seria importante discurtir um pouco da importância desses espaços, começar pelo começo mesmo.

Os vídeos serão dedicados a leigos e profissionais, porque na verdade esse é um assunto que diz respeito a todos. É uma pequena discussão com leveza e bom humor, quem quiser participar está mais que convidado!

Bibliotecária escritora

Há algum tempo decidi que além da minha contribuição aqui no BSF e do meu canal próprio no Youtube eu iria também divulgar as bibliotecas, livros, leitura e vida acadêmica de outra forma: escrevendo ficção.

Entre meus trabalhos, dois contos estão disponíveis. Um sobre uma biblioteca lendária e fantástica, e outro sobre um jovem acadêmico que passa por um episódio misterioso durante uma viagem.

“O véu”, o conto sobre esse jovem acadêmico, está essa semana de graça na Amazon. Se alguém ficou curioso sobre uma bibliotecária escritora, é a oportunidade!

Presente certeiro

As festas de fim de ano estão aí. É amigo secreto do trabalho, da família, do grupo de amigos e aquele monte de presentes que a gente nunca faz ideia do que comprar. Para ajudar na escolha e facilitar a vida, fiz uma lista de livros bacanas e diferentes e também algumas outras dicas para sair dos sabonetes e caixas de chocolate!

 

Resenha: O nome da Rosa

Terminei esses tempos um livro que há muito estava nas minhas prioridades: O nome da Rosa. Que obra para os bibliotecários, não é mesmo?

Em uma só história temos assassinatos, suspense, intrigas, livros, uma biblioteca proibida e um bibliotecário que cuida dos podes e não podes.

Esse livro me fez pensar um pouco sobre nossa profissão na atualidade. Hoje quase tudo pode, o usuário caminha livre, leva o que quer, escolhe sem restrições e na maioria das vezes sem sequer precisar da ajuda do bibliotecário, mas será que isso tem nos afastado?

Não acho, obviamente, que um acervo fechado e proibido aproxime o bibliotecário e o público, mas acho que é hora de refletirmos se essa relação pode ser mais próxima e melhor. Indicar é um trabalho importante e pode fazer com que aquela pessoa retorne à biblioteca, é um trabalho que não pode ser esquecido pelas facilidades e praticidades com que convivemos.

Deixo aqui a resenha que fiz sobre essa obra fantástica e indico com paixão para aqueles que ainda não leram!

13 perfis do Instagram para se seguir!

Eu amo Instagram. Acho que é a rede social mais bacana, principalmente se você for além dos perfis cheios de selfies e comidas! Há um tempo tenho evitado seguir esses perfis pessoais e preferido seguir contas sobre lugares, viagens, editoras e é claro, bibliotecas!

Depois de ver o post sobre a hashtag #marbledmonday feito pelo Moreno aqui para o BSF, eu comecei a ver o que mais os perfis que andavam postando essa hashtag traziam. O resultado é que me apaixonei e passei a seguir vários!

Achei sensacional essas bibliotecas fazerem esse trabalho de divulgação e ao mesmo tempo encher nosso feed de fotos lindas. É aquela modernização que tanto falamos, sabe?

Vou deixar aqui os perfis que estou seguindo e que são de fazer o coração de qualquer bibliotecário parar!

@guildhalllibrary: é uma biblioteca pública de Londres especializada na história da cidade.

@uispeccoll: instagram das coleções especiais e arquivos da Universidade de Iowa, comandado por uma bibliotecária.

@milwaukeepublib: biblioteca pública de Milwaukee

@sfpubliclibrary: biblioteca pública de San Francisco

@uib_ubbspes: departamento de coleções especiais da biblioteca da Universidade de Bergen

@fisherlibrary: insta da Thomas Fisher Rare Book Library, que está na Universidade de Toronto.

@unilib_treasures: coleções especiais e manuscritos da biblioteca da Universidade de Lund.

@americanantiquarian: biblioteca especializada em história, cultura e literatura americana.

Que não são bibliotecas, mas valem igualmente a pena:

@penguinclassics: editora Penguin, nessa conta eles postam apenas livros clássicos! Serve como inspiração de leitura.

@scifibookcovers: para quem curte o estilo, esse insta posta só capas de livros de ficção científica. Na mesma pegada das inspirações literárias.

@mapcenter: não são livros, são mapas, mas olha, que mapas!

@bookdecorbooks: um perfil pessoal cheio de fotos lindas!

@book_historia: mais um perfil pessoal, a dona estuda história dos livros e trabalha em um antiquario de livros!

Para quem não tem conta no Instagram , todos esses perfis são abertos, então é só acessar e suspirar!

Resenha: Um corpo na Biblioteca

Bibliotecário não pode ver um livro que fala sobre biblioteca que já fica doido para ler, não é mesmo? Então, foi assim que acabei comprando o ‘Um corpo na biblioteca’ da Agatha Christie.

Fiquei encantada com a possibilidade de um suspense daqueles bem pesados e cheio de reviravoltas se passando dentro de uma biblioteca, cheio de mistérios e livros. Pois bem, que engano! Nada disso aconteceu e de quebra ainda levei um livro cheio de problemas de impressão e edição. Como as editoras ainda são relapsas com essas coisas, não é mesmo? Na pressa do lançamento tenho visto muitos livros serem publicados com erros de digitação e edição. Acho isso muito feio e quase uma falta de respeito com o consumidor leitor, que vai pagar caro por aquele livro.

Enfim, deixo com vocês a resenha completa:

Livros que falam de livros!

Eu, além de bibliotecária, sou apaixonada pelas possibilidades que um livro oferece. Sempre achei fantásticas as histórias em que uma obra é parte central ou muito importante da trama, sempre existe um mistério envolvido que deixa o livro como um objeto precioso e cheio significados ocultos. Há um bom tempo tenho vontade de falar sobre essa temática de leitura tão amada: livros que tem em seu enredo principal livros. Gravei então esse vídeo mostrando os títulos que eu tenho na minha coleção e falei um pouco deles.

Quem souber de outros títulos diga nos comentários!

🙂

Dica/Resenha: Coração de tinta

Então chegamos no fim do ano! E com ele vem a maratona de amigos secretos e a lista infinita de presentes a se comprar. Aproveitando o momento, deixo aqui a resenha de um livro que é uma ótima opção para presente (e para pedir de presente! rs).

Eu adoro livros que falam sobre livros e esse é um dos melhores que já li! Lindo demais, ele resgata aquela magia da encadernação artística, do livro ser algo precioso e que desperta amor, sabe? Recomendo demais!